Turismo de Experiência

Atualmente surge um novo tipo de viajante, um novo perfil de turista. Ele busca por experiências diferenciadas, personalização da viagem de acordo com seus desejos e preferências, e pratica o chamado turismo de experiência, diretamente ligado a um segmento de demanda, que é o próprio turista. Quando se fala em ter uma nova experiência em viagens, nada mais é do que planejar e definir o real objetivo da viagem sob a vontade única de uma pessoa ou grupo obter uma experiência completamente diferenciada do seu dia a dia

Confira alguns exemplos de turismo de experiência:

Turismo de Experiência

Características para um potencial destino de Turismo de Experiência:

  • Possuir um atrativo natural ou cultural;
  • Possuir infraestrutura de transporte;
  • Oferecer acompanhamento técnico e profissional;
  • Garantir a segurança dos visitantes.

Resultados intangíveis que o Turismo de Experiência pode proporcionar ao turista:

  • Emoções diferentes das habituais;
  • Prazer ao realizar a viagem;
  • Momentos de relaxamento, descanso e diversão de uma forma única;
  • Expectativas superadas com elementos surpresa;
  • Atendimento e suporte acolhedores e transparentes.

Exemplos de Segmentos de turismo no Rio de Janeiro:

  • Turismo Rural: O turismo rural está presente no estado fluminense. Caracterizado pelas atividades do campo, proporciona ao turista uma vivência da agropecuária e das produções artesanais. Nas cidades de Vassouras, Miguel Pereira, Paty do Alferes, Barra do Piraí e Valença o turista pode conhecer o Vale do Café, visitar propriedades produtoras e produtos derivados do café, e também a Rota da Cachaça, onde conhecerá uma fazenda produtora de cachaça e restaurantes com pratos baseados na bebida.
  • Turismo Cultural: Caracterizado por proporcionar ao turista o contato com a história e a cultura de uma região, fazendo-o reviver os fatos no espaço onde elas aconteceram. A cidade de Petrópolis oferece o Tour Imperial, que apresenta os lados histórico e cultural ligados ao segundo império (Dom Pedro II), e permite aos visitantes conhecerem casarões da época – hoje transformados em locais de hospedagem – vivenciando atividades de turismo gastronômico por meio de refeições típicas brasileiras e conhecendo o entorno das propriedades junto à natureza.
  • Ecoturismo: Um dos segmentos mais procurados no Brasil. Entre possíveis atividades do ecoturismo praticadas no Estado do Rio de Janeiro estão passeios de bicicleta, caminhadas ecológicas na região serrana, arvorismo, rafting, entre outras. A região de Nova Friburgo possui características para o ecoturismo. Rios, cachoeiras e trilhas já são o ponto de partida para desempenhar as atividades de experiência. É necessário verificar se existe acesso para veículos para o transporte do turista até o local com segurança. São necessários profissionais treinados e especializados nas atividades, e apoio de uma equipe para garantir a integridade dos visitantes.

Para saber mais, leia a matéria completa no Boletim de Tendências de Turismo e acompanhe outras como essa no Sebrae Mercados. Lá você irá encontrar sugestões dos nossos especialistas para inovar e impulsionar seu negócio, além de ficar por dentro das novidades do mercado de Turismo.