61

O estudo “Brasil Sustentável: Impactos socioeconômicos da Copa do Mundo 2014”, realizado em parceria entre Ernst & Young e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) Projetos, aponta os seguintes setores como os mais beneficiados pelo evento:

  1. Construção civil
  2. Alimentos e bebidas
  3. Serviços prestados às empresas
  4. Eletricidade e gás, água, esgoto e limpeza urbana
  5. Serviços de informação
  6. Turismo e hotelaria

Para o turismo no Brasil, os ganhos são um benefício de longo prazo, uma vez que o setor possui uma grande margem para crescimento. Há cinco anos, o número de turistas estrangeiros recebidos no Brasil é de aproximadamente 5 milhões anuais.

Nesse estudo foi elaborada uma projeção da chegada de turistas internacionais ao Brasil, até 2018, considerando os cenários com e sem a Copa FIFA de 2014.

Saiba mais sobre Oportunidades para o setor moveleiro acessando o Boletim completo aqui:

http://www.sebraemercados.com.br/wp-content/uploads/2015/10/BO_Móveis_Junho_Nichos.pdf