Oportunidades de negócio no verão

Assim como férias, feriados e eventos, as estações do ano são agentes que provocam sazonalidade nas atividades de serviços. Com a chegada do verão, que no Brasil não necessariamente obedece ao calendário das estações, os serviços da estação apresentam aumento no volume de atendimentos.

Os serviços relacionados à saúde, beleza, estética e turismo são os mais beneficiados com essa estação ensolarada.

É nesta época que as pessoas se preocupam mais com a estética, para estarem fisicamente bem e bonitas quando frequentam praias ou clubes.

Mulheres são ainda mais preocupadas com suas formas físicas e iniciam um esforço de emagrecimento e de cuidados com a pele e com o corpo em geral. É também nessa época que a maioria das pessoas, principalmente os casais com filhos, começa a programar e usufruir de suas férias, pois é quando seus filhos estão livres de suas obrigações escolares. Por outro lado, consumidores querem cada vez mais conforto, coisas novas para fazer ou consumir.

O verão não deve ser associado somente ao lazer, pois muitas pessoas aproveitam essa época para fazerem cursos de curta duração. Em especial, nesse último caso, um serviço que cresce a cada ano é o de intercâmbio de estudantes e uma nova modalidade denominada de working experience (experiência em trabalho).

É importante destacar que a concorrência está cada vez mais acirrada e não é possível ignorar as promoções que ela faz para atrair os clientes. O valor agregado do serviço pode ser percebido pelo consumidor, que aceita pagar mais caro, mas a concorrência está a poucos metros de seu negócio, no quiosque ao lado. A estratégia de preços é desafiadora, pois ao mesmo tempo em que a procura é grande, a concorrência briga para ganhar uma fatia de mercado oferecendo preços competitivos. Isso significa dizer que é preciso ter um “olho na oportunidade e o outro na ameaça”.

Sabe-se que em serviços sazonais, as reduções de preços em alta estação representam um contraponto, mas deve-se tomar o cuidado com o abuso da elevação do preço. O “olho grande” pode comprometer a oportunidade de elevar significativamente as vendas.

Para todos os casos, o empreendedor deve identificar e aproveitar as oportunidades de aumento de faturamento, preparando-se para o abastecimento regular da mercadoria vendida e o bom atendimento nos momentos de alta demanda.

A negociação antecipada com fornecedores e a contratação temporária de funcionários são ações que auxiliam no planejamento operacional.

Saiba mais sobre essas oportunidades acessando o boletim.

Veja mais matérias como essa no site do Sebrae Mercados.