60

A expansão e a modernização das redes hoteleiras iniciaram com a preparação das cidades-sede para os jogos da Copa do Mundo da FIFA 2014 e devem continuar ocorrendo até a realização dos Jogos Olímpicos Rio 2016.

A participação dos pequenos negócios de móveis na cadeia hoteleira dependerá do nível de organização e qualidade das empresas interessadas em participar desse mercado promissor e exigente. Enquanto nos empreendimentos de pequeno porte (hotéis e pousadas administrados diretamente pelos sócios) a relação com os fornecedores é de confiança, nos empreendimentos administrados pelas grandes redes hoteleiras a relação com fornecedores é regulada por contratos detalhados com exigências nem sempre viáveis para os pequenos negócios de móveis.

Somente nas 25 redes associadas ao Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB) os investimentos alcançarão R$ 7 bilhões até o fim de 2015. A previsão global é que o setor hoteleiro brasileiro investirá R$ 40 bilhões nos próximos 10 anos, aquecendo a demanda por produtos e serviços de marcenaria e tapeçaria destinados às unidades de hospedagem.

Saiba mais sobre Mobiliário para unidades de hospedagem acessando o Boletim completo aqui:

http://www.sebraemercados.com.br/wp-content/uploads/2015/10/2014_08_25_BO_Agosto_Moveis_Fornecedores_Hoteis_pdf.pdf