ID Pregão

Os empresários são constantemente desafiados a buscarem novas oportunidades de negócio. Vender para o governo pode ser um boa alternativa. Mas, em algum momento, você pode pensar que sofre desvantagem por ser pequeno. Mas acontece exatamente contrário, conheça os principais benefícios concedidos aos pequenos negócios nas contratações públicas: Tratamento diferenciado para os pequenos negócios nas compras públicas (clique sobre o nome).

Ao decidir conquistar seu espaço enquanto fornecedor da Administração Pública, é importante conhecer o caminho para viabilizar suas vendas. O processo é feito por licitação, que é o procedimento administrativo formal para a aquisição de bens e contratação de serviços. As modalidades de licitação são: convite; tomada de preços; concorrência; concurso; leilão e pregão. Conheça com detalhes cada uma das modalidades na Cartilha: Como participar de licitação pública? (clique sobre o nome).

Vale destacar que o avanço das tecnologias também impactou na forma de realizar as contratações públicas, fazendo com que o pregão eletrônico tornasse uma modalidade muito utilizada. Para se ter uma ideia, na Marinha do Brasil, um importante órgão da Administração Pública, no ano 2012 foram realizados 145 pregões eletrônicos em face de 2 pregões presenciais. Leia mais: Oportunidades de Negócios com a Marinha do Brasil.

O que é o Pregão Eletrônico?

O Pregão Eletrônico é a modalidade de licitação que permite a aquisição de bens e serviços comuns, independentemente do valor estimado para a contratação, onde a disputa de preços entre os fornecedores ocorre em sessão pública com a utilização dos recursos da tecnologia de informação e da Internet, denominada “sessão virtual”.

Onde acontece e qual o procedimento para realização do Pregão Eletrônico?

Existe uma Sala virtual de disputa onde ocorrem as negociações. Reunidos virtualmente, por meio de computadores conectados à Internet, em horário de referência (horário de Brasília) estabelecido em edital de convocação, o pregoeiro e os representantes dos fornecedores promovem negociação direta mediante oferecimento de propostas e lances sucessivos com valores sempre inferiores ao seu último lance que tenha sido registrado no Sistema, até a proclamação de um vencedor.

Dicas importantes:

Para participar dos pregões, é necessário realizar o cadastramento no SICAF (Sistema de Cadastro Unificado de Fornecedores) Conheça mais: Primeiros passos para se tornar um fornecedor do governo. Também será exigido o cadastro no Licitações-e, que é um sistema informatizado desenvolvido pelo Banco do Brasil, que possibilita a realização de licitações, por intermédio da Internet, de bens e serviços junto a fornecedores previamente cadastrados. Leia mais: O que é preciso saber sobre licitação?

Para saber mais leia a Cartilha Licitações – Introdução às regras do jogo (clique sobre o nome), publicação do Banco do Brasil que detalha todas as etapas do pregão eletrônico.

Acompanhe também outras informações sobre compras públicas no link: http://sebraemercados.com.br/?author=25.