A partir do dia 22 de março, o público já pode conhecer a exposição Origem Vegetal e comprar peças artesanais.

O Centro Sebrae de Referência do Artesanato Brasileiro (CRAB), criado através da parceria do Sebrae e do governo do Rio de Janeiro, é composto por três prédios históricos que foram restaurados com a finalidade de abrigar a ampla produção artesanal brasileira e capacitar microempreendedores do segmento.

A exposição inaugural, intitulada Origem Vegetal, traz aos visitantes matérias-primas nativas do Brasil transformadas pela criatividade de artesãos dos 27 estados do País. São peças produzidas a partir de plantas e árvores (madeiras, palhas, sementes, resina e borrachas, entre outros materiais). Ao todo são mais de 100 espécies vegetais utilizadas nos itens expostos, agregando inovação à tradição produtiva.

São jogos americanos, luminárias, móveis, cestas, bolsas, talheres, joias, painéis decorativos, flores, brinquedos, tecidos, tapetes, almofadas, chapéus, mantas e esculturas. Predominam trabalhos de autoria coletiva, em torno de 50 associações e cooperativas artesanais, incluindo mais de dez etnias indígenas.

Alguns itens apresentados na exposição estarão à venda com valores entre R$ 30 e R$ 2 mil na loja Brasil Original, também uma iniciativa do Sebrae para qualificar o artesanato e ampliar a comercialização.

No CRAB há espaço para mostras temporárias, formação e entretenimento (oficinas, debates, palestras, seminários, além de shows e apresentações culturais), além de uma midiateca, que possui um acervo de publicações e materiais multimídias importantes sobre o artesanato.

Exposição Origem Vegetal

De 22 de março a 24 de setembro de 2016

Praça Tiradentes 67, 69 e 71, Centro, Rio de Janeiro

Horários: Terças das 10 às 19 horas

Quartas a sábados das 10 às 17 horas

Entrada gratuita

Imagem1